Vigilância Sanitária Estadual vai intensificar fiscalização a partir de sábado, 6

Data marca início da Fase Vermelha do Plano SP, a mais restritiva, nos 645 municípios de São Paulo

A Vigilância Sanitária Estadual anunciou que vai intensificar as fiscalizações a partir de sábado, 6 de março, em Avaré.

Embora a região da estância turística já estivesse na Fase Vermelha, todos os 645 municípios do Estado de São Paulo regrediram para a etapa mais restritiva do Plano SP.

A etapa mais rigorosa de restrição de mobilidade urbana fica em vigor até o próximo dia 19 devido ao aumento alarmante de casos, internações e mortes causadas pelo coronavírus.

Diante desse cenário, a Vigilância Sanitária Estadual pede que os estabelecimentos cumpram as determinações previstas pelo Plano SP.

“A proposta é orientar desde já para evitar multas”, afirma Valdir Alves, diretor Técnico de Saúde I da Vigilância Sanitária Estadual.

Restrições

A Fase Vermelha do Plano SP só permite funcionamento normal de serviços essenciais como indústrias, escolas, bancos, lotéricas, serviços de saúde e de segurança pública e privada, construção civil, farmácias, mercados, padarias, lojas de conveniência, feiras livres, bancas de jornal, postos de combustíveis, lavanderias, hotelaria e transporte público ou por aplicativo, entre outros.

Drive-thru

Já os comércios e serviços não essenciais só podem atender em esquema de retirada na porta, drive-thru e pedidos por telefone ou internet.

Academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings, lojas de rua, concessionárias, escritórios e parques devem ficar totalmente fechados ao público.

Os serviços essenciais precisam cumprir protocolos sanitários rígidos, como fornecimento de álcool em gel, aferição de temperatura, ventilação de ambientes, controle de fluxo de público e horário diferenciado para abertura e fechamento.

Toque de restrição

Além disso, o toque de restrição estará em vigor a partir das 20 horas em todas as regiões do estado, com recomendação para circulação restrita em vias públicas e fiscalização ampliada até as 5 horas.

A fiscalização estadual contra aglomerações, festas e eventos clandestinos recebe denúncias pelo telefone 0800 771 3541 ou e-mail secretarias@cvs.saude.sp.gov.br.

Fonte: Prefeitura de Avaré

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support