Motta inaugura Centro de Convenções em Avaré

postado em: Notícias | 0

 

Novo patrimônio dos comerciários será utilizado para eventos e para capacitação profissional da categoria

Encerradas as Assembleias Gerais Extraordinárias do Conselho de Representantes da Fecomerciários na manhã desta sexta, 26, no Centro de Lazer em Avaré, houve a inauguração oficial do novo Centro de Convenções e Treinamento dos Comerciários do Estado de São Paulo, instalado no complexo.

O presidente da Federação, deputado federal Luiz Carlos Motta, descerrou a placa inaugural ao lado da esposa Elaine Motta, da diretoria empossada também nesta sexta e de convidados: Carlos Alberto D’Ambrósio, vice-presidente da FecomercioSP, representando o presidente Abram Szajman; Francisco Soares de Souza, 2º vice-presidente da CNTC, representando o presidente Levi Fernandes Pinto, e os sócios da Construtora Modena, Celso Santos e Rogério Modena.

Obra totalmente custeada com os recursos arrecadados junto aos comerciários, o Centro de Convenções e Treinamento dos Comerciários é o mais novo patrimônio da categoria e um presente de aniversário para a Federação que completou 80 anos de fundação no último dia 9 de abril. Moderno, seguro e bem instalado em um espaço de 3.500 m2, conta com uma Sala de Eventos com capacidade para acomodar 800 pessoas sentadas e 1.650 em pé. Será utilizado, especialmente, para a realização de congressos, simpósios, seminários, encontros e afins, assim como para cursos de capacitação para a categoria comerciária. Será utilizado não apenas pela Fecomerciários e os sindicatos filiados, mas também por empresas, escolas e de outras entidades sindicais parceiras.

“Tenho certeza que a nova diretoria e demais dirigentes sindicais comerciários vão ocupar os 3.500 metros quadrados de área construída deste Centro de Convenções, com atuações e atividades que fortaleçam as nossas lutas contra os golpes que o governo tem desferido contra os direitos trabalhistas e o movimento sindical, como o combate à nefasta reforma da Previdência e à MP 873, que prejudica a sustentação financeira dos sindicatos e já estão sendo contrapostos por nós com resistência e ampliação de patrimônio da categoria”, disse Motta em um trecho de seu discurso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *